15 de abril de 2010

DUBLADOR EM FOCO (82): ÉZIO RAMOS



Ézio Ramos começou a carreira no Rádio.Trabalhou na Rádio São Paulo como radioator por muitos anos, foi lá que conheceu sua esposa Gilmara Sanches, posteriormente também dubladora e diretora de dublagem. Na Tv, começou em 1958 na Tv Paulista, na novela A Grande Mentira, depois fez A Herdeira de Ferleac em 1961. No cinema fez o filme Os Insaciados em 1981.


**Ézio Ramos na década de 1960**

O começo de sua carreira como dublador foi na Gravasom / AIC. No início, Ézio Ramos dublava alguns convidados especiais em séries de tv, mas um de seus trabalhos mais marcantes foi a dublagem do ator Marlon Brando no filme Sindicato de Ladrões, o qual já abordamos anteriormente.



**Dr. Kildare: um de seus primeiros personagens fixos em séries de tv**

Assim, foi ganhando personagens fixos também em séries e desenhos, como: Dr. Kildare (nas temporadas dubladas em São Paulo pela Ibrasom), Kato (interpretado por Bruce Lee) em O Besouro Verde, Davy (interpretado por Davy Jones) em Os Monkeys e a 3ª voz de Joshua Bolt na série E as Noivas Chegaram.


Participou dos desenhos: Goober e os Caçadores de Fantasmas (Ted) e Butch Cassidy e os Sundance Kids (Butch Cassidy). Paralelamente, participou dublando convidados especiais em séries de grande sucesso da década de 1960: Viagem ao Fundo do Mar, Terra de Gigantes, Daniel Boone, Lancer, A Feiticeira, etc.



**Joshua Bolt (último da foto, em pé), dublado por Ézio Ramos (3ª voz)**

Com o encerramento das atividades da AIC, Ézio Ramos continua em plena atividade atuando nos estúdios de São Paulo: Álamo, BKS e Gota Mágica.

Entre seus trabalhos estão, principalmente, os filmes nos quais Ézio fez a voz de muitos atores.

Entre os diversos filmes que dublou estão Matt Hooper interpretado por Richard Dreyfuss em Tubarão, Doug Fetterman interpretado por Keith Gordon em Tubarão 2, Doug Kinney interpretado por Michael Keaton em Eu, Minha Mulher e Minhas Cópias, Elwood Blues interpretado por Dan Aykroyd em Os Irmãos Cara de Pau, Arturo Duran interpretado por Raul Julia em Havana, George Mcfly interpretado por Crispin Glover em De Volta Para o Futuro I e De Volta Para o Futuro II, Os Caça Fantasmas e Os Caça Fantasmas 2, Tom Hanks em Apollo 13 - Do Desastre Ao Triunfo, Filadelfia e a segunda dublagem de Forrest Gump - O Contador de Histórias, Robert Redford em Caçada Humana e Golpe de Mestre, entre muitos outros.



**Primeira versão do filme Tubarão / 1975**

Em desenho dublou Doutor Peter Venkman em Os Caça Fantasmas, Race Bennon na versão da década de 1980 de Jonny Quest, entre outros.


Em séries tambem fez muitos trabalhos, tanto em séries infanto-juvenis japonesas como séries americanas de varios gêneros como Tony Villicana interpretado por Michael Paré em O Super Herói Americano, Cara-de-Pau interpretado por Dirk Benedict em Esquadrão Classe A, e Flashman, série japonesa de enorme sucesso no final da década de 1980.


Ézio Ramos veio a falecer no dia 6 de Junho de 1999, deixando um legado enorme, e uma interpretação exemplar, sua voz, mesmo com o passar dos anos se adequava bem para a dublagem de personagens mais jovens (entre 20 e 35 anos de idade).


Mais um grande nome da dublagem brasileira que iniciou na AIC!


Aqui, encontramos uma raridade: Ézio Ramos dublando ao lado de Gilmara Sanches (sua futura esposa), ainda no estúdio Gravasom, em 1961, no episódio "O Espelho" da série Além da Imaginação, dublando o ator Martin Milner:


**Neste outro vídeo, Ézio Ramos dublando um advogado na série A Caldeira do Diabo (Peyton Place) na AIC, junto com Gilmara Sanches:



**Marco Antônio dos Santos**

5 comentários:

luiz antonio disse...

Ézio também dublou Marlon Brando em alguns filmes( e muito bem).

Alex Burgess disse...

Se não me engano, o Ézio também dublou o Malcolm McDowell na polêmica e única exibição do filme Calígula na TV brasileira

Toufic Pottier disse...

Excelente texto sobre a vida é carreira do excepcional dublador Ézio Ramos. Mas esqueceram de colocar o espetacular trabalho dele dublando o cavaleiro de ouro Afrodite de Peixes, na primeira dublagem de Os Cavaleiros do Zodíaco, produzida nos Estúdios Gota Mágica, em São Paulo.

luiz antonio disse...

Não consigo assistir Forrest Gump sem a dublagem do Ézio(com todo o meu respeito ao Marco Ribeiro)Inesquecível dublador.

Toufic Pottier disse...

Verdade! O Ézio Ramos é inesquecível mesmo! Eu fiquei super fã do Cavaleiro de Ouro Afrodite de Peixes por causa dele principalmente. Ele era simplesmente brilhante!

Postar um comentário